Armadilha para mosquito Aedes

armadilhaparamosquitoaedesRESUMO: A presente invenção descreve uma armadilha para atração, captura e extermínio do mosquito Aedes, preferencialmente a fêmea da espécie Aedes aegypti. A armadilha é baseada na atração pela luz nos comprimentos de onda azul, verde e amarelo, mais sensíveis à retina do mosquito do que a luz ultravioleta e branca usadas em outras armadilhas, em conjunto com a captura por aspiração e extermínio por uma grade elétrica de baixa voltagem.

DESAFIOS E OBJETIVO: O mosquito Aedes aegypti é o vetor principal dos agentes etiológicos da dengue, da Zika, das febres amarela, chikungunya e Mayaro. Uma vez que não há vacinas ou terapias efetivas para estes vírus, o combate ao vetor continua sendo a principal forma para evitar a disseminação destas doenças.

As estratégias de controle e erradicação do Aedes dependem, fundamentalmente, do conhecimento de seus hábitos, a fim de se estabelecer técnicas ambientalmente limpas e mais específicas tendo como alvo as particularidades do mosquito no ambiente em que vivem e se reproduzem.

Fisiologicamente, as espécies de mosquitos são atraídas por luz em diferentes comprimentos de onda, mas isso tem sido pouco explorado na confecção de armadilhas de captura, pois basicamente usa-se a luz ultravioleta ou luz branca como padrão de atração geral de diversas espécies de inseto. Apesar de apresentar hábitos diurnos,  a fêmea do Aedes aegypti possui sensibilidade luminosa bimodal, no ultravioleta e no espectro visível, porém a maior faixa de sensibilidade da retina ocorre nos comprimentos de onda entre o azul, o verde e o amarelo.

SOLUÇÃO: A presente invenção revela uma armadilha elétrica de baixa voltagem, com sistema de aspiração e sistema de atração por luz de LED, na faixa de sensibilidade visual máxima da fêmea do Aedes aegypti, entre os comprimentos de onda azul e amarelo, com pico de luz verde, a fim de servir como ferramenta de combate específico ao vetor e, consequentemente, na diminuição da contaminação pelos vírus Zika, Dengue, Chikungunya, Febre Amarela e Mayaro.

APLICAÇÕES: A tecnologia da armadilha é direcionada para o gênero Aedes, específicamente para a fêmea da espécie Aedes aegypti, transmissora das doenças zika, dengue, chikungunya, febre amarela e mayaro. A armadilha é segura, pode ser produzida com baixo custo em diferentes tamanhos e formatos, e está inserida na concepção de tecnologia limpa, que não causa poluição ambiental e age sobre mosquitos resistentes a inseticidas químicos.

OPORTUNIDADES: Parceria e/ou transferência de tecnologia

OUTRAS INFORMAÇÕES: Proteção solicitada por patente
BR 10 2017 000145 8 – Dispositivo De Armadilha Para Inseto Aedes

CONTATO:
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Telefone: (21) 3373-1788 / 3733-1793

BAIXAR VERSÃO EM .PDF

AGÊNCIA UFRJ DE INOVAÇÃO
Rua Hélio de Almeida, s/n - Incubadora de Empresas - Prédio 2 (salas 25 a 29)
Cidade Universitária | Ilha do Fundão | Rio de Janeiro - RJ | 21941614
21 3733-1793 | 21 3733-1788

              facebook        linkedin
 twitter 
UFRJ Agência UFRJ de Inovação - PR2 - UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ