culturaempreendedora

 

Um dos grandes focos da Agência UFRJ de Inovação é o estímulo à cultura empreendedora. Entendemos que a cultura da inovação é a essência do empreendedorismo. De forma ampla, o empreendedorismo se caracteriza pela aquisição de conhecimentos, habilidades e atitudes que têm como objetivo suportar ações de desenvolvimento da inovação. Empreender é ter vontade de fazer. De fazer diferente e fazer melhor. É uma atitude. E essa atitude pode estar presente em qualquer atividade humana. Está relacionada à criatividade, à vontade de mudar, à capacidade de sempre identificar novas oportunidades. Tudo isso pode e deve ser parte integrante do fazer acadêmico. Assim, a difusão do empreendedorismo em várias frentes constitui-se enquanto uma das missões da Agência UFRJ de Inovação. É papel da Agência, portanto, incentivar iniciativas nessa área e articular a cooperação entre grupos com os mesmos interesses. É por isso que a Agência investe na aproximação com as iniciativas discentes da UFRJ e com o Movimento Júnior, auxiliando na promoção do diálogo entre alunos, professores, pesquisadores, técnicos, dirigentes e setores da sociedade que atuam na área. Desta forma, a Agência busca difundir e estimular estas práticas, numa proposta de um modelo proativo de vivência universitária.

 

UNIDADE DE (DES)ENVOLVIMENTO INTENSIVO

Para que seja construída uma cultura de empreendedorismo na Universidade, é necessário que grande parte da comunidade acadêmica esteja envolvida com o tema. A promoção e divulgação de eventos é uma importante ferramenta para isso. Em parceria com diversos setores e unidades da Universidade e também com as Empresas Juniores e outros grupos interessados no assunto, a Agência apoia, participa ou realiza uma série de eventos e atividades. Exemplo disso é o projeto UDI - Unidade de (Des)envolvimento Intensivo.

 

udi2A inovação se apresenta, cada vez com maior intensidade, como uma variável concomitante e dependente do projeto de futuro profissional dos sujeitos. Se entendida como temática transversal ao longo do desenvolvimento humano, requer a implicação - subjetiva e crítica - de diferentes atores. Dentre eles, os Núcleos de Inovação Tecnológica - as agências de inovação - exercem relevante papel na cadeia de valor das ambiências de inovação orientadas por este entendimento.

A Agência UFRJ de Inovação, por meio da sua Coordenação de Empreendedorismo juntamente com linha de estágio Psicologia em Novos Contextos da DPA do Instituto de Psicologia da UFRJ desenvolveu a proposta de um modelo para a consolidação e incremento de ambiências de inovação. Tais ambiências contam com a expressiva articulação, contactividade e cooperação entre atores em diferentes estágios de formação.

A proposta de correlacionar inovação e empreendedorismo aos projetos pessoais de desenvolvimento faz parte da UDI da Agência UFRJ de Inovação, que oferece espaço ao desenho e acompanhamento de projetos de trajetórias profissionais com ênfase em empreendedorismo e inovação. Com propósito da “emergência” de (des)envolvimento dos sujeitos com o mundo do trabalho, se soma aos esforços da Universidade na sua articulação com o mundo do trabalho. Fazendo parte dos processos de apoio à inovação da Agência, a UDI tem como foco o sujeito da ação inovadora, englobando suas motivações, potenciais, limites e incertezas. Para isso, a unidade proporciona espaços de co-planning por meio de oficinas, cursos, workshops, palestras e interlocuções.

A UDI se articula no desenho de trilhas de desenvolvimento pessoal, com a proposta de alteração da frequência e tempo envolvidos nos processos de reconhecimento das causas pessoais, demandas externas, recursos, descobertas e aplicações de ideias e projetos inovadores. Conta com a participação estratégica de universitários, membros e ex-membros de Empresas Juniores, servidores, empreendedores e pesquisadores na implementação de ações, focadas no desenho de projetos de trajetórias inovadoras".

Ações:

1. Trilhas de desenvolvimento pessoal de empresários incubados na Incubadora de Empresa da Coppe – em andamento

2. Trilhas de desenvolvimento pessoal dos alunos membros de empresas juniores da UFRJ (os empresários juniores) – em andamento

Essas ações objetivam a realização de um projeto de trajetória profissional empreendedora como um instrumento dinâmico e pessoal de projeção e monitoramento do próprio desenvolvimento que favoreça: estudos de contextos, o autoconhecimento, o diagnóstico do setor de atuação e a construção do sentido do (des)envolvimento profissional.

Paralelamente à ação de desenho ou redesenho do projeto de vida dos empresários, haverá uma agenda cultural, priorizando temas considerados “atravessamentos” ou fatores de vulnerabilidade aos projetos de trajetórias empreendedoras.

AGÊNCIA UFRJ DE INOVAÇÃO
Rua Hélio de Almeida, s/n - Incubadora de Empresas - Prédio 2 (salas 25 a 29)
Cidade Universitária | Ilha do Fundão | Rio de Janeiro - RJ | 21941614
21 3733-1793 | 21 3733-1788

                    twitter    facebook
UFRJ Agência UFRJ de Inovação - PR2 - UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ